Postagem em destaque

Como descobrir a senha criptografada de alguém

Linkedin: A rede social dos desesperados


   Devido a recessão que o Brasil enfrenta muitos de nós perdemos o emprego e eu fui um desses. Nunca dei muita importância para o Linkedin, mas agora que eu estava sem emprego achei que a rede poderia ser uma fuga, vai que encontro o emprego dos meus sonhos lá.

   O número de pessoas nas mesmas condições que eu começou a aumentar drasticamente e quando fui me dar conta a maioria dos posts em minha home era algum pedido desesperado de emprego. Pronto! O Linkedin tinha se transformado na rede dos desesperados. Aquela oportunidade de emprego que eu procurava nunca chegou e por mais que tenha engajado uma rede com 30 mil contatos, esse número nunca se mostrou útil.

   Um lugar repleto de pessoas procurando alguma saída fomentou a entrada de vários golpistas na rede. Marketing Multinível e todo tipo de falsários e aproveitadores estabeleceram moradia dentro das páginas e quanto mais desesperado você estiver, mais fácil será para eles transformarem sua vida em um inferno.

   As pessoas que possuem carreira estabelecida e - talvez - teriam alguma chance de ajudar quem busca um emprego estão sendo repelidas. Você gostaria de fazer parte de uma rede "profissional" de desempregados e golpistas? Nem eu!

   Gostaria de ver a redenção da rede, gostaria de ver o fim de perfis fakes, gostaria de ver a extinção de usuários mal intencionados, mas infelizmente o Linkedin vem falhado mizeravelmente em sua missão.

Comentários