Postagem em destaque

Como descobrir a senha criptografada de alguém

Vale a pena investir em uma página no Facebook para sua empresa?

Você não precisa pagar para criar uma página no Facebook, mas será que vale a pena investir tempo nessa mídia? A resposta é: depende.

Vamos primeiro contextualizar.
Você tem uma empresa e quer anunciar com o Facebook. Viu que para atingir o público que você deseja precisa disponibilizar um orçamento de R$ 350,00 por semana. Isso, segundo a plataforma, lhe dá entre 2.200 - 13.000 visualizações e entre 76 - 480 clicks no seu anúncio durante essa semana. Ao longo de 1 ano será gasto R$ 18.250,00 reais para 3.967 - 26.976 clicks.


Bem, este blog que vocês estão lendo possui um tráfego muito maior do que a melhor estimativa. NOOOOOOOOOOSSA QUE SITE INCRÍVEL VOCÊ TEM! Não, não é isso. Quer dizer que mesmo sem anunciar no Facebook consigo bons resultados apresentando um conteúdo que meus leitores gostam. TÁ, MAS ONDE VOCÊ QUER CHEGAR COM ISSO?


A conclusão é simples: se você possui conteúdo relevante para engajar seu público, anunciar no Facebook é dinheiro jogado fora, pois você consegue isso diretamente com o teu conteúdo e aí sim vale a pena se dedicar a criar uma página na rede. Acho que toda empresa deve ter um site e páginas em redes sociais, mas daí para se dedicar nessa comunicação é outra história.


Está conseguindo acompanhar meu raciocínio, né? Se tenho algo que meu público possa se interessar em clicar, então irei criar uma página no Facebook e criar um engajamento orgânico. Se eu não tenho nada que possa interessar alguém a ver as postagens da minha empresa, criarei uma página apenas para melhorar a comunicação com meus clientes e vez ou outra posto alguma coisa, só pra lembrar que existe essa página para meu público.


OK! VOU CRIAR UMA PÁGINA NO FACEBOOK PARA MINHA EMPRESA E ENGAJAR O MAIOR NÚMERO DE PESSOAS POSSÍVEIS COM POSTAGENS QUE AS ATRAIAM. VAI SER DIFÍCIL, MAS COM O EMPENHO CORRETO IREI ALCANÇAR OS MELHORES RESULTADOS. CERTO? Certo! MAS ENTÃO É ISSO? POSSO IR EMBORA? Calma, cara.


Agora que você tem uma página bem-sucedida e consegue engajar seu público sem precisar pagar anúncio no Facebook, é hora do Facebook olhar no fundo dos olhos e falar "Perdeu, playboy!".


Quando sua página atinge um número X de seguidores (esse número varia de acordo com várias vertentes que o Facebbok não divulga, portanto não há como mostrar com certeza qual seria essa quantidade), o site vai começar a criar impeditivos para que você não atinja todo seu público, até que cada postagem atinja apenas 5% de todos os seus seguidores. Exemplo: você tem uma página com 10 mil seguidores, cada postagem que você fizer irá atingir apenas 500 seguidores.


Parece um absurdo, não é mesmo? Você dedicou tempo e esforço para atingir um público satisfatório e aí quando finalmente as coisas começam a ir bem sofre um corte de 95% e sua página que antes crescia, agora começa a perder seguidores.


Você entra em contato com o Facebook e descobre que isso está previsto nos termos e condições que você clicou em "aceitar" quando entrou na plataforma, e para atingir novamente todo o público que conquistou tem que pagar R$ 2.000,00 por postagem. POS-TA-GEM! 


Nessa hora você lembra que o Facebook é uma empresa que visa o lucro. Eles oferecem uma plataforma "grátis" para que você possa realizar uma série de atividades, mas a partir de um certo ponto você não consegue ir além sem que pague pelo serviço.


O QUE EU DEVO FAZER, MAGNÂNIMO PRÍNCIPE DE TODA A SABEDORIA DO UNIVERSO QUE ESCREVE ESSE TEXTO? Senti um pouco de ironia na sua frase, mas eis minha dica:

Faça com que seu público tenha interesse no seu site e não na sua página. Independente de quanto você queira investir nas redes sociais do seu negócio, saiba que isso é passageiro. Uma página no Facebook vale muito menos do que o conteúdo do seu site.